sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

O Chafariz


Eis mais um texto do J.L. Pio Abreu, hoje publicado no Destak, que com a sua autorização aqui transcrevo. Leiam-no: humor certeiro.


"A política portuguesa está a ser hilariante. Qualquer notícia sobre uma iniciativa ou declaração governamental é seguida de quatro contestações dos partidos da oposição e de mais uma ou duas dos sindicatos ou dos movimentos cívicos.

Suponhamos que o Governo anuncia a construção de um chafariz para abastecer de água uma população sequiosa, promover o turismo e aumentar o emprego. Vem o CDS e diz que os velhinhos não podem deslocar-se ao chafariz. Vem o PSD indignar-se pelo prejuízo da iniciativa privada. Vem o PC organizar uma manifestação e reclamar um chafariz em cada bairro. Vem o BE demonstrar que as construtoras pressionaram o Governo. Há-de haver também um sindicato a denunciar a precaridade do trabalho e uma ONG a condenar o desvio da água.

Como chegámos a isto? O CDS diz-se do centro, tem um eleitorado de direita mas é um projecto pessoal de sobrevivência política. O PSD afirma-se social-democrata mas é, na verdade, liberal, quando o liberalismo está em queda, depois de ter reunido os disfarçados apoiantes do regime que desaparecera. O PC é uma cassete gasta que vive dos herdeiros e deserdados do orçamento de Estado. O BE reúne os sonhadores utópicos com vocação adolescente.

Em Portugal, os partidos de oposição são um engano. Têm apenas a virtude de evitar fenómenos do tipo Le Pen. Mas a única oposição responsável ainda é a que está no interior do PS. Infelizmente para a alternância do poder e para as dinâmicas sociais que enformam a democracia, mas felizmente para enfrentar a crise que temos aí."

[J. L. Pio Abreu]

4 comentários:

aminhapele disse...

Perfeitamente de acordo com J.Pio de Abreu.
Aqui na "terrinha" só temos um que constrói o chafariz!O resto é conversa de treta...
Também escusamos de ir para minudências:saber se o chafariz deita água...

Anónimo disse...

Mesmo que o chafariz não deite água hoje, pode deitá-la amanhã.
Se não houver chafariz, é que nunca haverá água.

André Pereira disse...

O chafariz deve ter sido feito por algum tio ou primo do Sócrates. Já se está mesmo aver. Estes "socias"...

Anónimo disse...

Viva,
Belo artigo de Pio de Abreu
Citarei
Macroscopio